filmes de Natal com maior bilheteria

Conheça os 10 filmes de Natal com maior bilheteria

Neste texto você vai aprender:

A temporada de Natal é uma mina de ouro para a indústria cinematográfica. Os filmes natalinos não são apenas uma tradição, mas também uma oportunidade lucrativa para os estúdios. O sucesso desses filmes não se baseia apenas na qualidade da narrativa, mas na capacidade de evocar sentimentos de nostalgia, família e alegria. Se você quer conhecer os 10 filmes de natal com maior bilheteria, continue lendo!

O retorno consistente de filmes como “Esqueceram de Mim” e “O Grinch” mostra como a fórmula mágica do Natal pode resultar em uma receita de sucesso ano após ano. Este é o verdadeiro “caminho do dinheiro” na indústria cinematográfica natalina – uma mistura habilidosa de emoções, tradição e inovação.

De acordo com Box Office Mojo by IMDbPro, estes são os filmes de natal com maior bilheteria:

10. Meu Papai É Noel 2 (2002)

Em “The Santa Clause 2”, Tim Allen reprisa seu papel como Scott Calvin, que agora é Papai Noel. Com a proximidade do Natal, Scott descobre que precisa encontrar uma esposa para continuar sendo o bom velhinho. Enquanto lida com essa nova responsabilidade, ele também enfrenta o desafio de lidar com seu filho Charlie, que está na lista travessa e se metendo em problemas.

“Meu Papai É Noel 2” é uma continuação que mantém o espírito natalino e a comédia leve do original. Tim Allen mais uma vez encanta como Papai Noel, enquanto a história adiciona uma camada de romance e moralidade natalina, tornando-o uma escolha agradável para as festividades.

O filme recebeu críticas mistas, com elogios para a performance de Tim Allen, mas algumas críticas pela trama previsível. A obra explora temas de família, aceitação e equilíbrio entre as responsabilidades familiares e natalinas.

  • Título original: The Santa Clause 2
  • Ano de lançamento: 2002
  • Direção: Michael Lembeck
  • Gênero: comédia, drama, fantasia
  • Duração: 104 minutos
  • Orçamento: US$ 65 milhões
  • Bilheteria mundial: US$ 173 milhões 

 

9. Meu Papai É Noel (1994)

“Meu Papai É Noel” segue a história de Scott Calvin, interpretado por Tim Allen, um homem que, acidentalmente, se torna o novo Papai Noel após o atual cair do telhado de sua casa na véspera de Natal. Scott relutantemente aceita seu novo papel e descobre que ser o bom velhinho envolve mais do que ele inicialmente imaginava. A história é centrada na relação entre Scott e seu filho Charlie, enquanto ambos aprendem a valorizar o verdadeiro espírito natalino.

Tim Allen trouxe sua comédia única para o papel de Scott Calvin, proporcionando uma mistura de humor e coração ao personagem do Papai Noel.O filme tornou-se um clássico natalino, apreciado por gerações de espectadores durante a temporada de festas.

“Meu Papai É Noel” é um conto natalino encantador que captura a magia da época de maneira única. A performance cativante de Tim Allen e a narrativa calorosa fazem deste filme uma escolha querida para famílias e entusiastas de filmes natalinos. A história atemporal e o toque de humor tornaram este filme um clássico do gênero.

  • Título original: The Santa Clause
  • Ano de lançamento: 1994
  • Direção: John Pasquin
  • Gênero: comédia, drama, fantasia
  • Duração: 97 minutos
  • Orçamento: US$ 22 milhões
  • Bilheteria mundial: US$ 191 milhões

 

8. O Amor Não Tira Férias (2018)

“O Amor Não Tira Férias” é uma comédia romântica que segue a história de duas mulheres, Amanda e Iris, que decidem trocar de casas durante as férias de Natal para escapar de problemas pessoais. Enquanto estão em destinos diferentes (Los Angeles e Inglaterra), ambas encontram novos romances que transformam suas vidas de maneiras inesperadas.

O filme recebeu críticas mistas, com elogios ao elenco e à atmosfera encantadora, mas algumas críticas em relação à previsibilidade da trama. A produção contou com locações encantadoras em Los Angeles e na Inglaterra, contribuindo para a atmosfera natalina do filme. A trilha sonora de Hans Zimmer complementa as emoções e o charme romântico da narrativa.

“O Amor Não Tira Férias” é uma comédia romântica leve e encantadora, perfeita para a temporada de festas, que destaca a magia dos encontros inesperados e das segundas chances no amor.

  • Título Original: The Holiday
  • Ano de Lançamento: 2006
  • Direção: Nancy Meyers
  • Gênero: comédia romântica
  • Duração: 138 minutos
  • Orçamento: US$ 85 milhões
  • Bilheteria mundial: US$ 206 milhões 

 

7. Um Duende Em Nova York (2003)

“Elf” conta a história de Buddy, um humano criado por elfos no Polo Norte que descobre sua verdadeira identidade e parte para Nova York em busca de seu pai biológico, Walter Hobbs. Buddy, com seu espírito natalino e ingenuidade, enfrenta os desafios da vida na cidade grande enquanto tenta conectar-se com seu cético pai e difundir a alegria do Natal.

O filme foi bem recebido pela crítica e pelo público, elogiando a performance de Will Ferrell, o humor leve e a mensagem natalina. A interpretação de Will Ferrell como Buddy tornou-se uma das performances mais memoráveis do ator e um ícone do espírito natalino. “Elf” desenvolveu um status cult e tornou-se uma escolha popular para a temporada de festas.

“Elf” é uma comédia natalina que aquece os corações com sua mistura de humor, inocência e celebração do espírito natalino. A direção de Jon Favreau e a performance carismática de Will Ferrell elevaram o filme ao status de clássico moderno, garantindo seu lugar como uma escolha obrigatória para as festividades de fim de ano. A mensagem de alegria, aceitação e amor ressoa duradouramente, tornando “Elf” uma joia da temporada de Natal.

  • Título original: Elf
  • Ano de lançamento: 2003
  • Direção: Jon Favreau
  • Gênero: comédia, fantasia
  • Duração: 97 minutos
  • Orçamento: US$ 33 milhões 
  • Bilheteria mundial: US$ 227 milhões

 

6. O Expresso Polar (2004)

“The Polar Express” é uma adaptação cinematográfica do livro infantil homônimo escrito por Chris Van Allsburg. O filme segue um jovem garoto que embarca em uma jornada mágica para o Polo Norte a bordo do misterioso Expresso Polar na véspera de Natal. Durante a viagem, ele encontra personagens inusitados e descobre o verdadeiro significado do espírito natalino.

O filme recebeu críticas geralmente positivas, elogiando a animação inovadora e a atmosfera mágica, embora algumas críticas tenham se concentrado na estética digital.

“O Expresso Polar” foi um dos primeiros filmes a usar a técnica de captura de movimento para criar personagens digitais realistas. Tom Hanks desempenha vários papéis principais, contribuindo para a singularidade das vozes dos personagens. O filme recebeu indicações ao Oscar nas categorias de Melhor Canção Original (“Believe”) e Melhor Som.

“O Expresso Polar” é uma aventura natalina que transporta os espectadores para um mundo de maravilhas animadas. A direção visionária de Robert Zemeckis e a trilha sonora envolvente de Alan Silvestri contribuem para criar uma experiência cinematográfica encantadora e atemporal durante a temporada festiva.

  • Título original: The Polar Express
  • Ano de lançamento: 2004
  • Direção: Robert Zemeckis
  • Gênero: animação, aventura
  • Duração: 100 minutos
  • Orçamento: US$ 165 milhões
  • Bilheteria mundial: US$ 317 milhões

 

5. Os Fantasmas de Scrooge (2009)

“A Christmas Carol” é uma adaptação animada do clássico conto de Charles Dickens sobre Ebenezer Scrooge, um homem avarento que é visitado por três fantasmas do Natal. Esses espíritos mostram a Scrooge seu passado, presente e futuro, buscando redimir sua alma e restaurar o verdadeiro espírito natalino em seu coração.

O filme recebeu críticas mistas, com elogios à técnica inovadora de captura de movimento, mas algumas críticas em relação à adaptação e tom sombrio.

O filme utiliza a tecnologia de captura de movimento, permitindo que os atores interpretem vários personagens. Jim Carrey, por exemplo, desempenha os papéis de Scrooge e os três fantasmas, demonstrando sua versatilidade como ator.

  • Título original: Disney’s A Christmas Carol
  • Ano de lançamento: 2009
  • Direção: Robert Zemeckis
  • Gênero: animação, drama
  • Duração: 96 minutos
  • Orçamento: US$ 200 milhões
  • Bilheteria mundial: US$ 325 milhões 

 

4. O Grinch (2000)

Dirigido por Ron Howard, “O Grinch” é uma adaptação cinematográfica da clássica história do Dr. Seuss. A trama segue o Grinch, uma criatura verde e mal-humorada que vive isolada em uma montanha, enquanto ele elabora um plano para roubar o Natal da cidade de Whoville. No entanto, durante sua missão, ele encontra a pequena Cindy Lou Who, que tem uma visão mais generosa do espírito natalino.

O filme recebeu críticas mistas a positivas, com elogios à performance de Jim Carrey e à produção visual, embora algumas críticas tenham notado divergências em relação à obra original do Dr. Seuss.

Jim Carrey passou horas diárias na maquiagem para se transformar no Grinch, o que contribuiu para sua atuação expressiva. O filme expande a história original do Dr. Seuss com elementos adicionais para criar uma narrativa mais extensa. O filme ganhou o Oscar de Melhor Maquiagem na 73ª edição do Oscar.

  • Título original: How the Grinch Stole Christmas
  • Ano de lançamento: 2000
  • Direção: Ron Howard
  • Gênero: comédia, fantasia
  • Duração: 104 minutos
  • Orçamento: US$ 123 milhões
  • Bilheteria mundial: US$ 346 milhões

 

3. Esqueceram de Mim 2: Perdido em Nova York (1992)

“Esqueceram de Mim 2: Perdido em Nova York” é a sequência do clássico filme “Esqueceram de Mim” (1990). Kevin McCallister, interpretado por Macaulay Culkin, embarca no avião errado e acaba sozinho em Nova York durante a época natalina. Enquanto Kevin aproveita a cidade, ele também se depara novamente com os bandidos Harry e Marv, que planejam roubar uma loja de brinquedos. Kevin usa suas artimanhas para frustrar os planos dos ladrões e criar suas próprias aventuras em Nova York.

Assim como o primeiro filme, “Esqueceram de Mim 2” tornou-se um clássico natalino e é frequentemente transmitido durante as festas. Nova York serve como um cenário icônico para as novas aventuras de Kevin, proporcionando uma reviravolta única na história.

“Esqueceram de Mim 2: Perdido em Nova York” é uma continuação encantadora que captura novamente a magia e o humor do original. A direção de Chris Columbus e a atuação carismática de Macaulay Culkin contribuíram para o sucesso duradouro deste filme na temporada de Natal.

  • Título original: Home Alone 2: Lost in New York
  • Ano de lançamento: 1992
  • Direção: Chris Columbus
  • Gênero: comédia, aventura
  • Duração: 120 minutos
  • Bilheteria mundial: US$ 359 milhões

 

2. Esqueceram de Mim (1990)

“Esqueceram de Mim” é uma comédia familiar clássica que segue as travessuras de Kevin McCallister, um menino de 8 anos que é acidentalmente esquecido por sua família quando eles partem para as férias de Natal. Com a casa só para ele, Kevin aproveita a liberdade, mas logo descobre que dois ladrões estão planejando roubar sua casa. Determinado a proteger seu lar, Kevin elabora planos engenhosos para afastar os invasores.

O filme recebeu críticas positivas por sua combinação de comédia, emoção e a performance marcante de Macaulay Culkin. “Esqueceram de Mim” tornou-se um fenômeno cultural e um clássico natalino. Macaulay Culkin ganhou reconhecimento e popularidade por sua atuação como Kevin. O filme foi indicado a dois Oscars nas categorias de Melhor Trilha Sonora Original e Melhor Canção Original (“Somewhere in My Memory” de John Williams).

“Esqueceram de Mim” é uma comédia atemporal que continua a encantar audiências de todas as idades. A combinação de humor inteligente, situações hilárias e mensagens de família fazem deste filme um clássico querido que perdura ao longo das décadas.

  • Título original: Home Alone
  • Ano de lançamento: 1990
  • Direção: Chris Columbus
  • Gênero: comédia
  • Duração: 103 minutos
  • Orçamento: US$ 18 milhões
  • Bilheteria mundial: US$ 477 milhões

 

1. O Grinch (2018)

A animação “O Grinch” é uma nova interpretação do clássico conto do Dr. Seuss. O Grinch, uma criatura verde e rabugenta, decide roubar o Natal da cidade de Whoville para impedir que os moradores celebrem a data com alegria. No entanto, durante sua tentativa de sabotagem, ele se depara com a jovem Cindy-Lou Who, que tem um plano para agradecer ao Papai Noel.

A animação é uma adaptação cinematográfica da história clássica do Dr. Seuss, que também inspirou outros filmes e especiais de TV. Benedict Cumberbatch empresta sua voz única ao personagem do Grinch.

O Grinch (2018) é uma versão moderna e animada que preserva o espírito natalino do conto clássico. Com sua animação vibrante e mensagem atemporal sobre o verdadeiro significado do Natal, o filme oferece uma opção encantadora para públicos de todas as idades durante a temporada festiva.

  • Título original: The Grinch
  • Ano de lançamento: 2018
  • Direção: Scott Mosier, Yarrow Cheney
  • Gênero: animação, comédia
  • Duração: 85 minutos
  • Orçamento: US$ 75 milhões
  • Bilheteria mundial: US$ 539 milhões

 

A magia do Natal ganha vida nos filmes de maior bilheteria, proporcionando não apenas entretenimento, mas uma experiência envolvente que transcende as telas. Desde clássicos atemporais como “Esqueceram de Mim” até adaptações inovadoras como “O Grinch” de 2018, cada filme captura a essência única da temporada festiva.

Vamos à lista completa, do campeão de bilheria ao que vendeu menos:

filmes de natal com maior bilheteria
Fonte: elaboração própria com dados do site Box Office Mojo by IMDbPro

A indústria cinematográfica entendeu que, além da técnica cinematográfica, a verdadeira fórmula para o sucesso reside na capacidade de criar uma conexão emocional através de histórias que evocam sentimentos de nostalgia, família e alegria. Veja o ranking completo:

Ao explorar a diversidade desses filmes, percebemos que o verdadeiro significado do Natal é celebrado de maneiras diversas, unindo audiências em uma experiência compartilhada de encanto e alegria durante essa época especial do ano. Então, prepare-se para se envolver nesse mágico universo cinematográfico natalino e permita que a magia das telas aqueça seu coração nesta temporada festiva.

 

5/5 - (1 vote)
Compartilhe

Assine nossa newsletter!