Quais são e como funcionam os investimentos com liquidez diária

liquidez diária

 

No decorrer desse texto, você vai conhecer alguns dos principais investimentos com liquidez diária do mercado: quanto precisa para investir, como investir, os riscos envolvidos e também as nomenclaturas que são usadas, para você entender o economês do mercado financeiro.

Esse conteúdo faz parte de uma série de textos que estão sendo construídos pela Faz Capital, para que você aprenda a investir do zero. Por isso, você vai encontrar uma série de conceitos teóricos e práticos aqui no site. O objetivo é que você se sinta cada vez mais seguro na sua jornada como investidor.

O que é D+0?

Um investimento com liquidez diária é aquele que pode ser resgatado no mesmo dia ou no próximo dia, dependendo do horário que você fizer a sua solicitação. É comum que, nesse tipo de produto, você veja que a nomenclatura da liquidez seja apresentada como D+0, que é justamente a forma que o mercado financeiro indica que você vai receber o seu dinheiro no mesmo dia. E a lógica é a mesma caso a liquidez seja em 30 dias. Nesse outro caso, você veria que a liquidez é de D+30.

Só é importante tomar cuidado com o horário. Se você compra um produto que tem entrega no mesmo dia e pede às 23h59, você não vai receber no mesmo dia. Tem um horário que você precisa respeitar para ter o que você quer. E nos investimentos é a mesma coisa. Isso varia de caso a caso e você deve conseguir ver essa informação sempre que fizer o seu pedido ali na corretora. E isso vale para o que for D+0, D+3 ou o D que for. Se passou do horário, o seu produto que deveria liquidar em D+5 vai liquidar em D+6. É a regra.

De todo modo, para sair do “depende” do produto e cada caso é um caso, fica com essa informação aqui: especialmente na renda fixa, mas em boa parte das vezes, se você pedir para resgatar algo até 14h, você está dentro do horário limite do dia.

Principais produtos com liquidez diária

Todos os produtos do Tesouro Direto (Tesouro Selic, Prefixado, IPCA+ e Renda+) têm liquidez diária e você pode revender no mesmo dia de volta para o Tesouro. Boa parte dos fundos de investimento de renda fixa e, em especial, aqueles que têm a nomenclatura Selic e Referenciado DI devem ter liquidez diária também. Falamos sobre eles neste vídeo:

Os fundos com nomenclatura de curto prazo, longo prazo e crédito privado também tem essa característica, mas é comum que não tenham. Tudo vai depender do fundo específico e você sempre consegue consultar essa informação antes de fazer a sua aplicação.

Além desses produtos mencionados, boa parte dos CDBs, RDBs, LCs e a própria poupança também tem essa característica. É possível encontrar alguns fundos multimercados também, mas é bem incomum.

Riscos de investimentos com liquidez diária

Só porque você pode resgatar no mesmo dia não significa que não existe risco. Como você deve ter visto recentemente com o caso das caixinhas do Nubank, eventos externos podem acontecer e isso pode afetar o seu investimento. Aqui, eu vou comentar alguns possíveis cenários, riscos e o que você deve evitar.

Imagine que você esteja investindo para o longo prazo e queira otimizar a sua rentabilidade. Em um caso como esse, você não deveria escolher ativos com liquidez diária porque a tendência é que eles tenham uma rentabilidade mais baixa.

Por outro lado, imagina que você tenha uma parte do seu dinheiro reservada para algum tipo de emergência. Nesse caso, você não está tão preocupado com a rentabilidade e está mais preocupado com a disponibilidade do seu dinheiro. Por isso, você deve priorizar a liquidez diária. Só que aqui cabe um alerta: se você for ver no mercado, existem alguns produtos que pagam mais do que a média e você pode pensar que é uma boa e nem sempre é uma boa.

Como assim, “nem sempre é uma boa”?

No caso de um CDB pagando um pouco mais, tudo bem. Se o emissor for um bom banco, se tiver com um nível de imobilização baixo e um Basiléia baixo também, é uma ótima solução. Sem contar que você ainda tem o seu dinheiro garantido pelo Fundo Garantidor de Crédito, até o limite de 250 mil reais.

Por outro lado, se você vir uma solução que é tipo um fundo de investimento, como foi o caso das caixinhas do Nubank, cuidado. É importante conferir qual que é a estratégia do fundo e você precisa saber de onde que está vindo essa rentabilidade a mais, porque, na maior parte das vezes, você deve estar investindo em uma posição mais robusta de crédito privado, que é um risco a mais que você toma, que não é adequada para a reserva de emergência.

 

Descubra como alcançar retornos consistentes de mais de 1% ao mês.

 

Tomar mais risco é ruim?

Se você quiser tomar um pouco mais de risco e investir em crédito privado, não tem nada de errado com isso. Só é importante que você coloque cada coisa em seu devido lugar. Aquilo que tem mais risco é para o longo prazo e aquilo que tem menos risco é para o curto prazo.

De um modo geral, se o seu investimento de liquidez diária for tipo um CDB, um Tesouro Selic, um fundo DI ou Selic ou a própria poupança, o risco é o seguinte: baixo risco de crédito, que significa que você tem baixo risco de perder o que investiu; baixo risco de mercado, que significa que seu investimento não tem muita oscilação de preço e você não deve perder com instabilidade política ou econômica; e baixo risco de liquidez, porque você pode resgatar a qualquer momento.

Como e quanto preciso para investir?

A quantia necessária para começar a investir em um investimento com liquidez diária varia de acordo com o tipo de investimento escolhido. Alguns, como a poupança, exigem valores baixos. Já outros, como fundos de investimento, podem exigir valores maiores. Via de regra, já é possível começar com 30 reais na maior parte dos casos de renda fixa com essa característica.

Como investir, em 4 passos simples: abra uma conta na corretora; escolha o seu investimento, com base na sua necessidade e nos seus objetivos; verifique os riscos, considerando suas necessidades e os seus objetivos; e aí é só confirmar a sua aplicação. E, claro, se você tiver qualquer dúvida ou dificuldade com o processo, você sempre pode contar com a assessoria da Faz Capital, para te apoiar em sua jornada financeira.

5/5 - (1 vote)

Conteúdos relacionados

Preencha o formulário para iniciar o download