Warner: o sucesso de Duna 2 traz bons retornos?

Na era do streaming, o sucesso de bilheteria do filme de ficção científica Duna 2 coloca novamente o cinema no centro das expectativas de faturamento dos grandes estúdios. Dona dos direitos dos dois filmes já lançados e de um possível terceiro, a Warner Bros é o Ativo Global desta semana.

Será que o faturamento de Duna é suficiente para tornar as ações do estúdio um bom investimento?

🐣 Nasceu assim

Para quem lembra das dublagens dos anos 1980, fica mais fácil entender o nome da Warner. O “Bros” é a abreviação de “Brothers”, e os irmãos Warner que fundaram o estúdio na década de 30 do século passado foram Harry, Albert, Sam e Jack. Por isso, algumas dublagens antigas não citavam o nome da empresa e traduziam a vinheta de abertura dos programas para “uma produção dos Irmãos Warner”.

Nostalgias à parte, a história da Warner Bros é longa e icônica para o cinema mundial.

Fundada em 1923, quatro anos depois a empresa produziu o primeiro filme com falas da história, The Jazz Singer, o que revolucionou a indústria cinematográfica.

Daí para a frente, o catálogo de clássicos não parou de crescer. Produziu um dos maiores filmes da história em 1942, em plena Segunda Guerra Mundial: Casablanca.

A Warner também fez história nos desenhos animados. O estúdio é nada mais nada menos que o criador de personagens como:
🐰 Pernalonga,
🦆 Patolino,
😼 🐀 Tom & Jerry,
🎭 Máscara.

Liga da Justiça, Looney Tunes e os filmes de Lego estão entre os títulos que fizeram da Warner uma das marcas mais conhecidas da indústria.

No Microscópio 🔬

Além de uma trajetória lendária no cinema, a Warner Bros tem divisões no universo dos games e das notícias.

Nos jogos de videogame e PC, lançou títulos rentáveis como a série Lego (com “apenas” 35 jogos diferentes), Hogwarts Legacy (do universo Harry Potter) e as edições mais recentes de Mortal Kombat.
Na área jornalística, a empresa controladora do estúdio, a Warner Bros Discovery, é dona da rede de notícias CNN (e suas dezenas de subsidiárias) e da TNT Sports.
Em matéria de produções televisivas, detém mais de 100 empresas ao redor do mundo que, juntas, geraram mais de US$ 41 bilhões de receita em 2023.

Agora, com toda essa história de sucessos e expansão, alguém que esteja considerando a Warner como uma possibilidade de investimento pode estar se perguntando o que tem acontecido com as ações da empresa.

Repare no gráfico dos últimos 5 anos:


Fonte: https://finance.yahoo.com/quote/WBD

Após um pico de valorização em plena pandemia de Covid-19, os papéis da empresa derreteram e amargam queda de cerca de 90% desde então.

Analistas avaliam que, mesmo rentável, o grupo Warner Bros Discovery tem tido repetidos desempenhos decepcionantes, incompatíveis com o crescimento de usuários e títulos em catálogo. Como os resultados divulgados pela empresa têm sido abaixo da expectativa do mercado trimestre após trimestre, o preço da ação acaba impactado.

Outra razão para o mercado reagir tão negativamente às ações da Warner tem a ver com a concorrência. Os principais players que disputam mercado com a empresa são Amazon, Netflix, Disney, Apple e Paramount. Cada uma delas é também um ícone da indústria e uma potência competitiva.

Neste cenário, apesar dos bons resultados da Warner, as expectativas são de que seja cada vez mais desafiador obter market share, disputando a atenção do público frente a múltiplas megaproduções de concorrentes tão competentes. Como sabemos, no mercado de ações, expectativas contam, e contam muito.

No Telescópio 🔭

Uma pesquisa americana apontou que 42% dos expectadores preferem assistir ao lançamento de um filme em casa, por meio de serviços de streaming, enquanto 40% preferem a experiência em uma sala de cinema. A pesquisa foi realizada após a pandemia de Covid-19, pois durante ela os dados ficaram distorcidos, e uma comparação histórica fica prejudicada.

Desde 2017, o número de bilhetes vendidos para salas de cinema ao redor do mundo vinha caindo continuamente.
⬇️ Foram 7,7 bilhões de expectadores naquele ano.
⬇️ Em 2022, com as restrições pandêmicas já aliviadas em quase todo o globo, o número foi de 5,7 bilhões.

O streaming, por outro lado, não parou de crescer.
⬆️ Em 2020, primeiro ano da pandemia, havia 1,1 bilhão de subscrições para este tipo de serviço.
⬆️ Em 2024, beiram 2 bilhões.

Com relação à receita, a discrepância também salta aos olhos. A receita da indústria do cinema projetada para 2024 fica na casa dos US$ 48 bilhões, praticamente a mesma dos anos pré-pandemia. Já a receita de streaming de vídeo deve superar os US$ 108 este ano.

O fato é que títulos de sucesso podem faturar nos dois meios, como é o caso de Duna. O segundo filme teve bilheteria global de mais de US$ 700 milhões, ainda atrás de Oppenheimer (US$ 965 milhões) e Barbie (US$ 1,4 bilhão), mas segue faturando. Além disso, sucessos de bilheteria costumam também repetir o feito nas vendas de streaming.

Com produtos aclamados como Duna 2, Batman e os spin-offs de Harry Potter no cinema e seriados clássicos como The Big Bang Theory, Two and a Half Men e uma série de super-heróis da DC, a Warner Bros está muito bem posicionada para abocanhar parte deste faturamento.

Resta saber se as ações da Warner vão reagir de forma a justificar que o investidor queira tê-las em carteira.

Como Investir na Warner

Como você já deve saber, você pode investir na empresa através de ações ou fundos.

1️⃣ Ficha técnica das ações da Warner Bros. Discovery, Inc*:

  • Valor de Mercado da Companhia: US$ 18 bilhões
  • Cotação da Ação: US$ 8,15
  • Código de Negociação em Nova York: WBD
  • Mínima e Máxima em 52 semanas: US$ 7,36 – 14,67
  • Variação em 1 ano: -39,99%
  • Variação em 5 anos: -71,89%

*Valores de fechamento em Nova York do dia

2️⃣ First Trust S-Network Streaming & Gaming ETF

  • Código de Negociação em Nova York: BNGE
  • Taxa de Administração: 0,70%
  • Estratégia: investe em empresas de cinema, entretenimento, games e E-sports. Sua composição inclui empresas como Disney, Spotify e Nintendo, com a Warner Bros representando cerca de 3%.

Bons investimentos!

Aviso legal
Aqui é o momento em que temos que avisar que nada neste texto configura sugestão de investimento. Para escolher boas opções para incluir em seu portfólio, estude bastante e conte com seu especialista em investimentos internacionais.

Quer receber textos sobre ativos internacionais no seu email? Inscreva-se na Ativos Globais, clicando no banner abaixo.

Este post foi útil? Avalie

Conteúdos relacionados

Preencha o formulário para iniciar o download