Entenda o significado dos códigos das ações

Atualizado em 23 de fevereiro de 2024

4 minutos de leitura

Por Redação Faz Capital

O mercado de ações oferece diversas oportunidades para os investidores, mas esse universo pode ser desafiador. Um dos primeiros passos para investir em ações é compreender os códigos que as identificam. Neste texto, desvendaremos os segredos por trás dos códigos das ações, te capacitando para tomar decisões de investimento conscientes e eficazes.

A estrutura básica dos códigos das ações

Os códigos das ações na B3 são compostos por cinco caracteres:

1️⃣ Quatro letras: representam o nome da empresa. As empresas escolhem uma combinação única de letras que identifique seu nome de forma abreviada. Por exemplo, o código da empresa Itaú Unibanco é ITUB4.

2️⃣ Um número: indica o tipo de ação. São dois tipos principais:

Ação ordinária (ON), representada pelo número 3

As ações ordinárias são o tipo mais básico de ação e representam a participação direta do acionista na empresa. Os detentores de ONs têm direito a:

  • Voto nas assembleias da empresa: voz ativa nas decisões estratégicas da companhia.
  • Participação nos lucros: dividendos e bonificações proporcionais à quantidade de ações.
  • Preferência na subscrição de novas ações: oportunidade de aumentar sua participação na empresa.

Ação preferencial (PN), representada pelo número 4

As ações preferenciais oferecem prioridade na distribuição de dividendos, geralmente com um valor fixo ou um percentual do lucro líquido da empresa. No entanto, os acionistas PN não têm direito a voto nas assembleias da empresa.

Subclasses das ações preferenciais:

  • PNA: Ação preferencial classe A, com prioridade na distribuição de dividendos e participação nos lucros remanescentes.
  • PNB: Ação preferencial classe B, com prioridade na distribuição de dividendos, mas sem participação nos lucros remanescentes.
  • PNC: Ação preferencial classe C, com características variáveis definidas pela empresa.
  • PND: Ação preferencial classe D, sem direito a dividendos, mas com participação nos lucros remanescentes.

Fizemos um quadro para você não se perder:

Característica Ações ordinárias (ON) Ações preferenciais (PN)
Direito a voto Sim Não
Prioridade nos dividendos Não Sim
Participação nos lucros remanescentes Sim Variável
Risco Maior Menor
Potencial de retorno Maior Menor

Então, juntando tudo, temos alguns códigos famosos no mercado financeiro do Brasil:

  • PETR4 ➜ Petrobras PN
  • BBAS3 ➜ Banco do Brasil ON
  • VALE3 ➜ Vale ON
  • ITUB4 ➜ Itaú Unibanco PN
  • BBDC4 ➜ Bradesco PN
  • MGLU3 ➜ Magazine Luiza ON
  • WEGE3 ➜ Weg ON

Escolhendo o tipo de ação ideal para você

A escolha entre ações ON e PN depende do perfil do investidor e seus objetivos:

  • Ações ON: ideais para quem busca participar ativamente da empresa, ter voz nas decisões e potencial de retorno maior no longo prazo.
  • Ações PN: ideais para quem busca renda passiva com dividendos e menor risco, abrindo mão do direito a voto.

Lembre-se! 💡

A análise individual de cada empresa é fundamental antes de investir, independentemente do tipo de ação. Diversificar seus investimentos é fundamental para mitigar riscos e aumentar suas chances de sucesso.

dividendos 2024

Códigos específicos para outros tipos de ativos

Ao investir na bolsa brasileira, B3, você vai além das ações ordinárias e preferenciais. Diversos outros tipos de ativos podem compor sua carteira, cada um com um código específico para facilitar sua identificação e compreensão.

👉 BDRs: Certificados de Depósito de Ações

Os BDRs (Brazilian Depositary Receipts) representam ações de empresas estrangeiras negociadas na B3. Seu código é composto por:

  • 3 letras: identificam o banco custodiante.
  • 4 letras: identificam a empresa emissor.
  • 2 letras: identificam o tipo de BDR (ON ou PN).

Exemplo: BDR da Apple (AAPL34).

 

👉 ETFs: Fundos de Índice

Os ETFs (Exchange Traded Funds) são fundos de investimento que acompanham um índice específico da bolsa. Seu código é composto por:

  • 3 letras: identificam o ETF.
  • 11 dígitos: identificam o índice que o ETF acompanha.

Exemplo: ETF Ibovespa (BOVA11).

 

👉 Units: unidades compostas por diferentes ativos

As Units são unidades compostas por diferentes tipos de ativos, como ações e debêntures. Seu código é composto por:

  • 3 letras: identificam a Unit.
  • 1 dígito: identifica a série da Unit.

Exemplo: Unit Banco do Brasil (BBAS31).

A interpretação correta dos códigos das ações é fundamental para tomar decisões de investimento conscientes. Utilize as dicas acima como um guia para iniciar sua jornada no mercado de ações. Aprofunde seus conhecimentos e busque sempre informações confiáveis antes de investir.

Se você deseja ter ajuda com essa e outras decisões financeiras de sua vida, uma ideia interessante é ter um assessor de investimentos para te auxiliar!

Aqui na Faz temos um time de especialistas financeiros prontos para te ajudar a cuidar de seu dinheiro e investir para o futuro!

Para falar com um de nós, é só apertar nesse link!

Este post foi útil? Avalie