Trump Media e a Truth Social: investimento de verdade?

Trump Media

Apoie ou rejeite. Ame ou odeie. Parece não haver meio-termo quando se trata de uma figura como Donald Trump, dono da Truth Social, rede social que passou a negociar ações em bolsa de valores recentemente. Desde a abertura de capital da Trump Media, controladora da Truth Social, não foram poucos os episódios polêmicos entre seus defensores e críticos. Essa atmosfera se refletiu nas ações da empresa, que em poucas semanas experimentaram altas expressivas e quedas repentinas. 

Para entender um pouco mais sobre a Truth Social como uma alternativa de investimento, a Ativos Globais desta semana traz um pouco do histórico da rede social que se diz defensora da liberdade absoluta de expressão. Ou quase absoluta… 

🐣 Nasceu assim

Bom, já aviso que esta edição terá muitos tópicos polêmicos, e vou começar com o banimento de Donald Trump do Twitter. Em 2021, logo após a eleição de Joe Biden para a presidência dos EUA, o Capitólio, centro legislativo americano, foi palco tanto de manifestações como de ataques que acabaram resultando em cerca de 170 pessoas condenadas e mais de 1.000 processadas pela justiça americana. 

Trump, à época, foi acusado de ter incitado seus seguidores a invadir o prédio legislativo e pedir que o presidente eleito não tomasse posse. Em razão do episódio de destruição, ao menos sete pessoas teriam perdido a vida, conforme um relatório bipartidário do Senado americano. 

🛑 O Twitter era o principal canal de comunicação do bilionário com seus simpatizantes, e a plataforma decidiu “suspender permanentemente sua conta devido a risco de mais incitação à violência”. 🛑 

Inconformado com o banimento, Trump decidiu criar sua própria rede social, onde, segundo ele, ninguém seria impedido de se manifestar.

Pouco mais de um ano depoisnasceu a Truth Social. 

No Telescópio 🔭

A Truth Social foi criada através da Trump Media & Technology Group (TMTG), em outubro de 2021, posicionada como uma alternativa às grandes plataformas de mídia social, sem a censura que Trump e seus apoiadores afirmam existir em outras redes.  

Apesar de a abertura oficial ter sido no final de 2021, a plataforma teve seu lançamento efetivo somente em fevereiro de 2022.  

Desde o início, a plataforma foi vista como parte dos esforços de Trump para: 

➡️ manter sua influência na política americana, e 

➡️ comunicar-se diretamente com seus seguidores sem o filtro dos meios de comunicação tradicionais ou das plataformas de mídia social estabelecidas. 

lançamento da Truth Social enfrentou vários desafios técnicos e atrasos. Nos primeiros dias de funcionamento, muitos usuários relataram problemas para se registrar e acessar a plataforma, indicando que a demanda superou as expectativas ou que havia limitações técnicas não antecipadas. 

Outra controvérsia estava ligada ao fato de a Truth Social ser baseada em uma versão modificada do Mastodon, um software de código aberto para redes sociais.

Essa escolha gerou acusações de violação de licença de código aberto, uma vez que o Mastodon é lançado sob uma licença pública que exige que as modificações no software também sejam disponibilizadas ao público. 

Quanto à sua adoção e impacto, as opiniões são mistas:  

❤️ Alguns veem a Truth Social como um importante veículo para a liberdade de expressão e uma alternativa necessária ao que consideram ser o monopólio de opinião nas grandes plataformas de mídia social.  

💔 Outros questionam sua viabilidade a longo prazo, apontando para desafios como a moderação de conteúdo, a atração de uma base de usuários diversificada e a competição com plataformas já estabelecidas. 

No Microscópio 🔬

A Truth Social também é parte de um movimento mais amplo de figuras políticas e públicas que buscam alternativas às plataformas de mídia social tradicionais, seja por meio da criação de novas plataformas ou pela migração para redes existentes que promovem a liberdade de expressão com regras de moderação menos estritas.  

No caso da Truth Social, estas regras são muito similares às da maioria das demais plataformas. O que muda é a prática de moderação do conteúdo. Certas publicações seguem sendo proibidas, como de conteúdo sexual. Outras, com conteúdo político, não têm padrão muito claro de exclusão, sendo tratadas caso a caso. 

Agora, uma das proibições que é mais evidente na Truth Social é… criticar a própria Truth Social.

❌ Um relatório do grupo americano Public Citizen aponta que ataques à plataforma e ao seu fundador foram deletados e usuários, banidos. ❌ 

Estas restrições e os diversos problemas técnicos demonstrados desde o lançamento limitaram a expansão do número de usuários. Hoje, a Truth Social conta com cerca de 5 milhões de usuários ativos por mês.  Dentre as plataformas já consolidadas, o Facebook lidera, com mais de 3 bilhões de usuários/mês, seguido do YouTube, com 2,5 bilhões. Das mais populares, o Telegram é um dos caçulas, com “apenas” 800 milhões de visitantes mensais.  

Ou seja, a Truth Social ainda tem um longo caminho até ter usuários o suficiente para ser um projeto rentável. Agora, como ainda está em estágio inicial, será que vale como investimento de longo prazo? 

Como investir na Trump Media

O fato é que, desde seu IPO, as ações da Trump Media (a empresa controladora da rede social de Trump, está lembrado?) já perderam mais da metade do valor, tendo chegado a quadruplicar de preço nas vésperas das negociações públicas. 

Fonte: Google Finance

Essa montanha-russa se deveu em parte à imensa expectativa gerada antes da abertura de capital da empresa, seguida da realidade do negócio: no ano de 2023, a Truth Social apresentou faturamento de US$ 4 milhões e prejuízo líquido de quase US$ 60 milhões. Como esse resultado foi divulgado somente no início de abril, os investidores foram pegos de surpresa e tiveram que amargar uma queda vertiginosa na cotação de suas ações. 

Para um investidor mais experimentado, nem sempre dados assim assustam. 👻 Afinal, é quando uma empresa está subvalorizada que mais vale a pena investir nela. Resta saber se a Trump Media tem potencial para reverter estes números negativos e passar a gerar lucros e valor de mercado a seus acionistas.  

Para quem quer incluir as ações da empresa de Trump em seu portfólio, trago a seguir os dados dos papéis. 
FICHA TÉCNICA DAS AÇÕES DA TRUMP MEDIA & TECHNOLOGY GROUP CORP.: 

▪️ Valor de Mercado da Companhia: US$ 4 bilhões

▪️ Cotação da Ação: US$ 26,40

▪️ Código de Negociação em Nova York: DJT

▪️ Mínima e Máxima em 52 semanas: US$ 12,40 – 79,38

▪️ Variação no mês: -55,87%

Aviso legal
Aqui é o momento em que temos que avisar que nada neste texto configura sugestão de investimento. Para escolher boas opções para incluir em seu portfólio, estude bastante e conte com seu especialista em investimentos internacionais.

Bons investimentos!

Quer receber textos sobre ativos internacionais no seu email? Inscreva-se na Ativos Globais, clicando no banner abaixo.

 

Quer receber novidades sobre investimentos mundiais?

Este post foi útil? Avalie

Conteúdos relacionados

Preencha o formulário para iniciar o download