Quanto custa fazer um clareamento dental? (Caseiro e no consultório)

Atualizado em 20 de dezembro de 2023

7 minutos de leitura

Por Redação Faz Capital

O clareamento dental é, de longe, um dos tratamentos mais procurados por aqueles que vão aos consultórios odontológicos hoje em dia. 

E não é por acaso: afinal, quem não gostaria de ter um sorriso mais branco e mais bonito? 

O nosso sorriso é o nosso principal cartão de visitas, como vários especialistas em comunicação apontam…

No entanto, muitos pacientes têm dúvidas sobre o procedimento porque não conhecem o valor desse serviço, e nem entendem como ele funciona. 

É por isso que, hoje, vamos explicar melhor como funciona o clareamento dental, e dizer quanto você pode esperar pagar por cada um dos tipos desse tratamento!

Se isso te interessa, acompanhe este artigo da Faz Capital com atenção!

 

COMO FUNCIONA UM CLAREAMENTO DENTAL?

Por causa de pigmentos externos nos alimentos e bebidas que consumimos, com o passar do tempo, nossos dentes ficam com uma cor mais amarelada, o que é normal e eles seguem saudáveis, mas desagrada esteticamente muitas pessoas.

Para remediar isso existe o clareamento dental, que é um procedimento odontológico que visa clarear a cor dos dentes, através de oxidação dos pigmentos orgânicos ou do clareamento da estrutura mineral do dente, tornando-os mais brancos e luminosos. 

 

QUAIS OS TIPOS DE CLAREAMENTO DENTAL?

Existem dois tipos principais de clareamento dental: o clareamento caseiro supervisionado pelo dentista, e o clareamento realizado em consultório pelo profissional (clareamento a laser ou de luz halógena).

 

Clareamento Dental Caseiro: 

No clareamento caseiro supervisionado, é usado um gel clareador de concentração mais fraca para aplicar em uma moldeira de acetato feita pelo dentista para o paciente usar em casa. 

Normalmente, o paciente coloca o gel na medida certa dentro da moldeira e usa ela durante a noite, para manter o gel em contato com os dentes por algumas horas. 

O resultado do clareamento caseiro é um pouco mais demorado do que os realizados em consultório, podendo durar até um mês e exige a dedicação do paciente para que os resultados apareçam.

 

Clareamento Dental no Consultório: 

No clareamento de consultório, o dentista também utiliza um gel clareador, mas com concentrações mais elevadas do que aquela do usado no tratamento caseiro. 

Além disso, o profissional utiliza uma barreira que protege a gengiva e faz a aplicação do gel, que permanece em contato com os dentes por em torno de 50 minutos, tornando os resultados mais rápidos do que com o método caseiro.

Além do uso do gel clareador, o dentista no consultório pode usar outras ferramentas para potencializar os resultados, como:

  • Clareamento com Laser: 

Com a luz, a permeabilidade do gel clareador aumenta, permitindo que ele atinja espaços ainda mais profundos do esmalte dentário. 

  • Clareamento Interno: 

Feito na parte interna do dente, é indicado para quem passou por tratamento de canal ou ficou com dentes mais escuros por traumas ou reações metálicas. Nessa modalidade, o gel precisa ser trocado toda semana até que o resultado seja alcançado, o que demora, em média, dois meses. 

  • Clareamento com Luz Ultravioleta: 

É uma técnica parecida com o clareamento com laser, mas com luz ultravioleta, intensificando a ação do gel. Com essa técnica, é possível diminuir a sensibilidade após o tratamento.

Além disso, vale a pena deixar 2 avisos por aqui também:

➡️ Primeiramente, o clareamento dentário não é recomendado para pessoas abaixo de 15 anos, gestantes e pessoas com cáries, além de algumas outras condições que seu profissional pode te passar melhor do que eu aqui.

➡️ Em segundo lugar, não é o tipo de tratamento que você quer fazer “economizando”.

Muitas pessoas buscam “atalhos” ou “improvisos” em um aspecto importante da sua aparência e saúde, o que não é bom.

Por exemplo, segundo dentistas, o clareamento caseiro com bicarbonato é uma das piores coisas que alguém pode fazer pelos dentes,  pois é altamente abrasivo e tira pigmentos dos dentes junto com o esmalte, que os protege. Isso aumenta sensibilidade, fragiliza e aumenta risco de cárie.

Por isso, independentemente de fazer o clareamento no consultório ou o caseiro supervisionado, tenha um bom profissional te ajudando!

 

QUAIS OS CUSTOS ENVOLVIDOS NO CLAREAMENTO DENTAL?

O principal custo que você terá com o tratamento será o tratamento em si, independentemente da modalidade que escolher entre as duas disponíveis.

Porém, alguns gastos colaterais podem vir junto.

Por exemplo, fazer uma limpeza dental antes pode ser importante para ter bons resultados, portanto isso entraria nos custos.

No caso do paciente ter sensibilidade elevada, geralmente o dentista sugere técnicas que preparem o dente para o clareamento, como o uso de creme dental “dessensibilizante” 14 dias antes do procedimento. 

Portanto, uma pasta de dente para sensibilidade pode precisar entrar no seu cálculo.

Finalmente, para realizar o clareamento, a pessoa precisa estar com a saúde bucal em dia. Ou seja, não ter nenhuma doença gengival e cárie.

Se você tiver alguma condição assim, pode ter que tratar antes de fazer o clareamento, o que geraria mais despesas.

 

QUANTO CUSTA UM CLAREAMENTO DENTAL?

É importante mencionar que não somos profissionais dentistas, nem perto disso…

Somos um escritório de investimentos da XP, especializado em finanças e investimentos financeiros.

Por isso, não temos especialização para precificar precisamente nenhum tratamento aqui para você.

Além disso, é difícil dizer qual o valor do clareamento dental, pois não existe um preço fixo. 

Porém, é claro que não vamos te deixar sem resposta, e por isso pesquisamos algumas fontes mais especializadas para encontrar essa resposta!

 

Quanto custa um Clareamento Dental Caseiro?

Segundo o DVI Radiologia, o clareamento caseiro custa entre R$ 400,00 e R$ 700,00. Nesse valor já se inclui o kit com a moldeira e o gel utilizado para clarear os dentes.

É exatamente o mesmo valor indicado pela Sorridents.

Segundo o portal DentalVidas, o clareamento por moldeiras tende a ser o mais em conta, podendo custa de R$ 250 a R$ 350.

 

Quanto custa um Clareamento Dental em Consultório?

De acordo com o UOL, esse tratamento pode variar de R$ 800 até R$ 3.000, dependendo muito da relação paciente-dentista e localização do profissional. 

Eles também afirmam que vale sempre fazer uma consulta e pedir um orçamento em até dois profissionais.

Segundo o  Estadão, em média, cada sessão custa entre R$ 700 e R$ 800, e o tratamento total pode ficar em torno de R$ 2 mil, com a realização das quatro sessões, em média.

Segundo a Odontoclinic, em alguns locais, as sessões podem ser feitas por cerca de R$ 500 a R$ 800, com custos que podem chegar a R$ 3 mil.

Assim, é possível afirmar que, se você pretende fazer o Clareamento Caseiro, pode esperar pagar entre R$ 250 e R$ 700. Já se optar pelo Em Consultório, o valor deve ficar entre R$ 800 e R$ 3000.

Vale lembrar dos possíveis custos adicionais que mencionamos mais cedo, como:

  • Creme dental para sensibilidade, se tiver;
  • Limpeza dental, caso não tenha feito recentemente;
  • Tratamento para cáries, caso as tenha.

Agora já é possível ter uma boa ideia dos custos que você terá! 

 

RAZÕES PARA FAZER CLAREAMENTO DENTAL

Considerando esses valores, vale a pena fazer esse procedimento?

Vamos pensar um pouco nos benefícios que ele pode trazer:

 

  • Melhorar a saúde bucal: 

Quando o paciente realiza o clareamento dental, ele pode começar a ter o hábito de visitar o dentista com maior frequência, o que aumentaria seu cuidado com sua saúde bucal, que, no longo prazo, pode representar um ganho de saúde geral para você!

  • Elevar a autoestima: 

Como mencionamos já na introdução, outro benefício do clareamento é, sem dúvida, o aumento da autoestima do paciente. 

Muitas pessoas não gostam do que veem quando sorriem para o espelho, e, ao realizar o clareamento, isso muda. A aparência dos dentes pode influenciar de forma significativa no bem-estar do paciente, e na forma como ele interage com o mundo e com as outras pessoas, o que pode representar benefícios maiores na sua vida. 

  • Identificar problemas: 

Durante o clareamento, o profissional dentista pode encontrar e corrigir problemas de sua saúde bucal, sem falar que, com os dentes mais brancos, a avaliação do dentista é mais precisa e eficiente. 

  • Manter bons hábitos: 

Quando o clareamento é iniciado, é preciso que o paciente evite alguns alimentos ou ações visando potencializar o resultado, como, por exemplo, deixar de lado o cigarro. Assim, o clareamento ajuda a reduzir diversos hábitos que afetam a qualidade de vida do indivíduo negativamente.

Apesar de todos os benefícios para saúde e autoestima, no entanto, é importante lembrar que os gastos com um clareamento dental devem ser vistos como gastos estéticos, ou seja, devem ser realizados apenas se não significarem endividamento e não dificultarem sua condição financeira atual ou futura.

Mas, se você possui condições de realizar esse investimento em si mesmo, pode ter muitos benefícios com isso!

E, se você gostou deste artigo e está pensando em dar uma “repaginada total” no seu visual, te convidamos a ler esse outro artigo sobre “Quanto custa fazer um implante capilar”!

 

5/5 - (1 vote)